Mundo - História e Atualidades

Retrospectiva 2011- Acontecimentos que Marcaram o Ano e a História, Fotos







Retrospectiva 2011

Neste ano, que já chega ao fim, muitos fatos de grande repercussão e importância ocorreram tanto no campo da Política, como da Economia e no Social.

Hoje fizemos uma lista com alguns dos Acontecimentos que Marcaram o Ano, além de marcarem a História. Relembre os Fatos e Fotos que representaram esse ano de 2011:

* Em 01 de Janeiro de 2011, Dilma Rousseff foi empossada como a 1ª Presidente Mulher do Brasil, este fato foi de repercussão internacional e mostrou um grande Passo rumo a igualdade entre os sexos. Dilma revolucionou também a gramática, pois muito se questionou se o correto era Presidente ou Presidenta, mas o que caiu no gosto do povo foi PresidentA.

O ano de Dilma também foi marcado com seu Discurso na ONU, na Assembleia Geral que ocorreu em Nova Iorque, nele a presidenta falou sobre a luta para acabar com a miséria e por mais igualdade social.

* Queda de Ministros – A política brasileira não teve apenas momentos de glória, afinal uma onda de revelações sobre Ministros envolvidos em esquemas de Corrupção abalaram o cenário nacional, fazendo com que muitos perdessem os cargos. Incluem-se nessa lista de Ministros despedidos ou que entregaram o cargo Palocci (chefe da Casa Civil), Orlando Silva (Ministério do Esporte), Pedro Novais, Alfredo Nascimento, Wagner Nelson Jobim (único que não estava envolvido em denúncias de corrupção).

* Comissão da Verdade é Criada pelo governo em 18 de Novembro, o intuito de investigar crimes na ditadura. A Iniciativa foi apoiada pela ONU e ganhou diversos elogios internacionalmente. Além disso, foi sancionada a Lei de Acesso à Informação, que acaba com o sigilo eterno de documentos sigilosos.

* Em Novembro de 2011 ocorre também um grave Vazamento de Petróleo na Bacia de Campos (Rio de Janeiro) nos poços de exploração da empresa americana Chevron. O Acidente serviu de alerta para que o Ministério do Meio Ambiente reveja a multa por danos ambientais, e para o Governo ser mais exigente ao ceder Licitações de empresas estrangeiras para

Já em outros países, alguns dos Acontecimentos Marcantes foram…

*Em 11 de Abril foi colocada em prática uma Lei que proíbe o uso de Véu Islâmico (Niqab e Burca) em locais públicos na França. Essa lei foi alvo de diversas polêmicas afinal para muitos é um Preconceito Religioso e não um ato de “libertação” para as mulheres. Entre as punições estão multas de 80 a 120 euros ou até um ano de prisão para as infratoras.

Jovens muçulmanas protestam a favor do uso de véus nas escolas francesas, em Estrasburgo, na França. Photo by Jean-Marc Loos

 * A Primavera Árabe foi destaque mundial por diversos motivos, pela luta da população para derrubar ditadores, luta por condições de vida mais dignas e por Democracia. Além disso, as revoltas serviram para mostrar uma nova face das Redes Sociais, antes vistas apenas como meios de diversão, e que agora são ferramentas do povo para disseminar ideias e organizar manifestações.

O país pioneiro foi a Tunísia que derrubou o ditador Zine El Abidine Ben Ali, no poder desde 1987. Isso incentivou os egípcios que também,em fevereiro, levaram a queda do ditador Hosni Mubarak, a 30 anos na presidência do Egito.

Além desses países, na Líbia a população se mobilizou em protestos contra Muamar Kadafi que culminaram numa Guerra Civil (iniciada em fevereiro) que só foi finalizada em outubro com a morte do ditador. O regime ditatorial foi amplamente combatido  por vários países árabes do Norte da África e Oriente Médio, essa luta também foi chamada de Revolução de Jasmim.

Porém a luta não terminou, a Síria ainda vive em meio a conflitos civis, porém como o país não é muito aberto pouco se sabe da real situação do confronto. Bashar al-Assad, governante desde 2000 e cuja família detêm o poder desde 1970, é acusado por diversos crimes sociais de limitação da liberdade. Países como Estados Unidos e aliados impuseram sanções contra o presidente e pedem sua renúncia. 

* Crise na Zona do Euro – como que num reflexo da crise econômica que afetou a economia dos Estados Unidos em 2008 combinado com as particularidades da União Européia, a Europa enfrenta uma grave situação econômica.  Grécia, Itália, Irlanda, Portugal e cada vez mais países vem declarando incapacidade de arcar com suas dívidas externas e gastos internos, a Grécia já declarou falência e medidas de austeridade vem sendo tomadas.

Em meio a crise, a população vê suas vidas rumo a uma mudança drástica, pois os gastos e investimentos em Educação, Saúde, Pagamentos a funcionários públicos serão amplamente reduzidos pelos Governos – são as medidas de austeridade em que o governo terá de diminuir os benefícios de Estado do Bem estar Social.

Muito dessa crise decorre do envelhecimento da mão-de-obra europeia que não consegue arcar com todos os pagamentos de Previdência social; e também pela fragilidade de certas nações que participam da União europeia porém não possuíam uma economia forte o suficiente para manter a moeda equiparada com nações ricas como a França e Alemanha.

Portanto, o Euro vive um momento de crise e possível desvalorização tendo em vista que boa parte dos investidores não quer ficar exposta ao risco das ações e títulos europeus. Essa crise que estourou em 2011 não vê seu fim em poucos meses, e segundo analistas pode estender-se por alguns anos até a recuperação do mercado comum europeu, além dos demais países que serão afetados por ter relações comerciais com a Europa.

* Terremoto no Japão e Acidente em Usina Nuclear – em 11 de março de 2011, um terremoto de  8,9 graus, o 7º maior da história, abala o Pacífico, atingindo o Japão e arredores. Formou-se uma imensa onda e um Tsunami devastou grande parte da costa noroeste do Japão, as cenas chocaram o mundo que viu áreas serem destruídas em segundos pela força das águas. 

Em adição a todo o desastre natural, somou-se um acidente na Usina Nuclear de Fukushima em que a uma série de falhas em equipamentos de segurança e lançamentos de materiais radioativos na Central Nuclear de Fukushima I ocorreram em consequência dos danos causados pelo sismo e tsunami. Muitas pessoas, alimentos e águas foram contaminados com resíduos radioativos da usina.

Esse acidente reavivou as discussões entre ambientalistas sobre os riscos da Energia Nuclear, pois em 2011 também completam-se 25 anos do acidente nuclear em Chernobyl. Muitos apontam que falhas no sistema de segurança e o lixo tóxico que resulta das atividades nucleares são os vilões dessa forma de obtenção de energia, devido terem gravíssimos efeitos.

** O que você achou dos Fatos de 2011? Qual foi o acontecimento mais Marcante? Deixe seu comentário e participe do Post Retrospectiva 2011…

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.